Archive for the ‘homofobia’ Category

HOMOFOBIA: UMA FRAUDE!
maio 26, 2007

por Jael Savelli





“Toda a argumentação em favor da lei dita “anti-homofóbica” é fraude, é engodo, é estelionato. Vamos permitir que os vigaristas que a inventaram nos ponham na cadeia?” Olavo de Carvalho

Leia também: Luiz Mott: pedofilia já, enquanto ainda estou com tudo em cima

O Movimento Gay da Bahia denuncia: “Entre 1980-2005, foram assassinados no Brasil 2.511 homossexuais”.

(fonte: http://www.ggb.org.br/assassinatos2005c.html ).

O governo federal informa: “Nos últimos 25 anos ocorreram aproximadamente 800 mil assassinatos no Brasil”.

(fonte: http://www.camara.gov.br/sileg/integras/398227.pdf ).

O Grupo Gay da Bahia e o governo, juntos, declaram: “os gays representam cerca de 14% da população brasileira, isto é, são 24 milhões”.

(fontes IBGE/GGB – ttp://www.ggb.org.br/moviment_glbt4.html)

Especialista ligada ao movimento homossexual revela: “a violência doméstica homossexual é considerada atualmente um dos três riscos mais importantes à saúde dos gays, ficando atrás apenas do HIV e do abuso de álcool e drogas”.

fonte: http://www.casaisgays.com.br/violenciadomestica.htm)

Note bem: os três principais fatores de risco associados ao estilo de vida homossexual são:

1º – AIDS; 2º – consumo abusivo de drogas; 3º – violência doméstica.

Violência doméstica, neste caso, refere-se à violência praticada por homossexuais contra seus parceiros homossexuais, e não é levada em conta na hora de fazer os “cálculos do homocausto”.

Uma pergunta que não quer calar: Quantos daqueles homossexuais contados na lista das supostas vítimas de ódio gay teriam sido assassinados por seus próprios ‘parceiros’, numa situação de ‘violência doméstica’, comum entre ‘casais’ homossexuais? Ou mesmo, quantos teriam sido mortos como resultado do envolvimento pessoal com atividades criminosas, tais como tentativas de homicídio ou de assalto, extorsão, estupros, seqüestros, contrabando, dívidas do narcotráfico, etc.?

Nem o movimento nem o governo informam. Seja como for…

Os dados (não submetidos a prova) divulgados pelo Movimento Militante Gay mostram que o número de homicídios de homossexuais representa 0,3 % do total nacional divulgado pelo Governo.

Das duas, uma:

Ou o percentual da população homossexual no Brasil é de aproximadamente 0,3% e não de 14% como alegam GGB/IBGE, nem sequer de 10% como ‘informado’ no fraudulento Relatório Kinsey.

Ou os homossexuais no Brasil têm sido surpreendentemente poupados da violência generalizada que tem vitimado o restante da população brasileira.

Deste modo, ao contrário de “tipificar a matança de gays“, os dados revelam, isto sim, uma grave violação dos direitos humanos do cidadão comum, abandonado à própria sorte dentro do quadro deplorável de miséria a que foi relegado o sistema de segurança pública no Brasil.

Revelam também que a verdadeira guerra em curso está sendo travada por manipuladores profissionais patrocinados com verbas públicas contra cidadãos de bem que lutam com recursos próprios e escassos para que a verdade e a justiça covardemente sufocadas possam vir a luz.

Leia também: Golpistas e vigaristas